Dói .


Eu sei que dói. Sei que tá doendo agora. Sei que em alguma parte de um dia, você para, olha para baixo, pros lados ou olha só pra um ponto fixo e vem aquela sensação de vazio, de que está faltando algo. E aí vem aquele choro, aquele que te faz soluçar e lembrar de tudo o que aconteceu e de todos os motivos.
   Sempre vai ter algum amigo (abençoados sejam aqueles que estão sempre aqui com você) que vai dizer que sabe o que você está passando, mas não, ele não sabe, a dor pode até ser parecida mas não é igual a aquela de quem está sentindo de que perdeu o amor da sua vida.
   Eu sei que você está cansado de ouvir o que vou dizer agora mas... tudo tem um motivo. Independente se você acredita ou não em Deus, alguém nesse universo está planejando algo para você então se acabou, se nem chegou de acontecer algo, é porque algo melhor vai acontecer, talvez não hoje, nem amanhã porque nada cai do céu, mas um dia... acontece. 
   Eu queria que fosse meu primeiro e único e amor, ou que fosse o seu primeiro, ou o seu segundo e único amor que iria acontecer, ou o 3°, 4°, 5°, independente do número, eu queria que fosse a pessoa certa para mim e para você. Mas não foi e talvez nunca seja. O que eu vou dizer agora vai ser mais clichê ainda do que a piadinha do pavê: tá na hora de esquecer. Tem uma hora que não dá mais para ficar assim, que não dá para você ficar chorando por causa de uma música, de um filme que marcou os dois, de uma música nova que o cantor(a) dos dois lançou, tá na hora de você se lembrar dos bons momentos, de todas as experiencias e ter essa certeza: isso só está acontecendo para te deixar mais forte
   Te juro que eu também enjoei da seguinte frase: "Você vai achar alguém melhor". Caramba. Eu quero esse alguém melhor aqui. Agora. Pra ontem. Eu não quero mais chorar, não quero mais ficar triste por um motivo idiota durante o dia, mas aqui estamos, sofrendo, chorando e esperneando por dentro e a vida é assim (mais uma das fases clichês), cheia de altos e baixos, cheia de dor, de tristezas, choros e amores que te tiram o sono. Mas a vida também é cheia de felicidade, amizades boas, emoções, experiencias engraçadas, diferentes e tudo mais, então meu amigo, bola pra frente por que neste momento estamos vivos e não fomos feitos para ficar morgando. 
   Virtual ou pessoal, nem que não tenha acontecido algo concreto vai doer mesmo. Vai ter uma hora em que você vai se lembrar dos beijos e abraços, dos carinhos e todas as palavras sussurradas. Ou dos áudios, das madrugadas passadas em claro por tal pessoa, pelas declarações feitas por uma foto. E por enquanto vai doer mesmo, vai doer muito, mas depois da chuva vem o arco iris e um dia você vai acordar, se lembrar de tudo o que aconteceu e ter certeza de que é passado. E serviu para alguma coisa. Então como uma ultima coisa: se não era para acontecer não adianta ficar tentando mudar o destino, não adianta ficar se torturando com isso. Cabeça erguida, um sorriso e vamos viver a la Patrick: vivendo o melhor de nossas vidas hoje.

Escrito por : Violet.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tag Pai e Filha.

O Natal.